A solução pode vir do pavimento

Pesquisadores da Poli/USP, desenvolvem asfalto poroso com objetivo de atenuar os impactos das enchentes.

0
574
Com os pavimentos permeáveis, a água fica retida por um tempo em uma segunda camada de pedras e gradualmente escorre através de um dreno para as galerias de água da cidade. (Fotos: Afonso Virgiliis)

Diante da urbanização e consequente impermeabilização do solo e das chuvas em forma de tempestades que castigam, não apenas a cidade de São Paulo, mas também outros municípios brasileiros, pesquisadores da Escola Politécnica (Poli) da USP, desenvolveram um asfalto poroso, capaz de absorver com facilidade e rapidez a água da chuva, podendo ajudar a reduzir os impactos das enchentes.
O projeto “Pavimento Permeável Reservatório” é uma parceria entre o Departamento de Engenharia Hidráulica da USP e a Prefeitura de São Paulo, coordenado pelo professor José Rodolfo Scarati Martins.

(…)

Leia mais na edição 10403, de 15 a 19 de junho de 2019.