Com 5 óbitos em 3 dias, Bebedouro tem 16 vítimas da Covid-19

Casos confirmados sobem para 286, na terça (21). Gazeta analisa DRS/Barretos, que soma 3,57 mil casos e 117 mortes pelo vírus.

0
98

Bebedouro registrou aumento de casos confirmados e óbitos pela Covid-19, segundo boletim epidemiológico de terça-feira (21). Os pacientes com diagnóstico positivo eram 267 na sexta (17) e passaram para 280 na segunda (+13 casos) e 286 na terça (+6 casos).
Do total de infectados, 237 são de Bebedouro e 49 são pacientes da região, diagnosticados em hospitais locais, dentre eles, o número de recuperados passou para 203, sendo 170 bebedourenses e 33 moradores da região. Há ainda 67 casos de pacientes que não estão curados do vírus, sendo monitorados pelo GEI (Grupo Estratégico de Isolamento). Destes, 51 vivem em Bebedouro e 16, na região.

Os óbitos subiram para 14, no boletim desta segunda (20), e cresceram ainda mais na terça (21), passando para 16, sendo quatro vítimas falecidas em hospitais de Bebedouro, uma na capital paulista e outras 11 em Barretos.
Os três óbitos, registrados no domingo (19), são três mulheres com comorbidades: a primeira, de 85 anos, tinha diabetes e problemas pulmonares; a segunda, 82, diabetes, hipertensão e Alzheimer; já a terceira, 56, tinha diabetes e hipertensão. Já na terça (21), foi registrado falecimento de mulher, 65, com diabetes e hipertensão; e homem, 61, com diabetes, hipertensão e câncer.
Há nove bebedourenses internados em estado grave, três em Bebedouro e seis em hospitais da região; há também oito pacientes em enfermarias de Bebedouro, sendo cinco na Unimed e três no Hospital Municipal.

Isolamento social
De acordo com o Simi-SP, do Governo de SP, o índice de isolamento de Bebedouro, na sexta (17), era de 47%, caiu para 46% no sábado (18), mas no domingo (19) subiu para 51% e colocou a cidade em 18º lugar no ranking das melhores do estado. Na terça (21), o índice voltou a cair para 46%, mas Bebedouro subiu para 6ª colocação no ranking estadual.

Contaminação e letalidade
Considerando os casos de Bebedouro e a população de 77,5 mil habitantes, há 3,69 pacientes contaminados com Covid-19 por cada mil habitantes. Já a taxa de letalidade, que indica a porcentagem de pacientes infectados que faleceram, é de 5,59%, levando em conta 16 óbitos e 280 infectados.

Panorama regional
A Gazeta analisa casos e óbitos dos 18 municípios que integram o DRS/Barretos (Departamento Regional de Saúde), incluindo a sede Barretos e Bebedouro, que somam 3,57 mil casos confirmados da Covid-19 e 117 mortes em decorrência da doença, de acordo com dados informados pelas prefeituras.
A população das 18 cidades soma 440,8 mil habitantes, de acordo com estimativa do IGBE, de 2019. Considerando as infecções pelo novo coronavírus e a população estimada, a região tem 8,11 casos para cada mil habitantes. Já a taxa percentual de letalidade é de 3,27%.
Bebedouro é a 4ª cidade da região do DRS, com maior número de casos, atrás apenas de Barretos, com 1861 infectados e 65 mortes; Olímpia, com 344 casos e cinco mortes; e Guaíra, com 278 contaminações e cinco óbitos confirmados.
Os demais municípios que compõem o DRS são: Altair, com nove casos e uma morte; Cajobi, com 58 infectados e duas vítimas fatais; Colina, com 91 casos e oito óbitos; Colômbia, com 27 infectados e uma morte; Guaraci, com apenas 11 confirmados; Jaborandi tem 76 pacientes com o vírus e um óbito; Monte Azul soma 89 confirmações e uma vítima da Covid-19.
Em Severínia são 77 casos positivos; em Taiaçú, 57 infectados e uma morte; em Taiúva, são 59 casos e um óbito; em Taquaral, 19 contaminados e nenhum óbito registrado. Já em Terra Roxa, tem 151 casos e três mortes; Viradouro, 98 infectados e uma vítima da doença; e Vista Alegre soma 85 casos e dois óbitos.

Quadro regional – Na fase laranja do Plano São Paulo, o Departamento Regional de Saúde de Barretos, que reúne 18 cidades, incluindo Bebedouro, soma 3,57 mil casos e 117 mortes em decorrência da Covid-19. (Divulgação/Governo de SP)

 

Publicado na edição nº 10503, de 22 a 24 de julho de 2020.