Estratégia inédita

Por Marcos Pitta

0
53
Exclusivo Globoplay – Novela de João Emanuel Carneiro, escalada para substituir ‘Pantanal’, será feita somente para o streaming, com previsão de estreia para o final de 2022. (Reprodução/Internet)

A Globo anunciou na tarde de quarta (9) que a nova novela de João Emanuel Carneiro, com título provisório de ‘Olho por Olho’, e que terá Regina Casé como vilã, irá ao ar no Globoplay, com previsão de estreia para o final deste ano. Na mesma época, a emissora lançará na TV aberta, a nova novela de Glória Perez, “Travessia”. Com isso, duas novelas de autores da faixa das 21h estarão no ar simultaneamente. A informação foi confirmada pela jornalista Patrícia Kogut, em sua coluna no ‘O Globo’.

Segundo Kogut, “a emissora informou que além dessas duas atrações, estão em produção outras cinco novelas inéditas para a TV, além de 15 projetos para o Globoplay e canais pagos do grupo”.

Inicialmente, a novela de Perez entraria no ar após a de Carneiro que, por sua vez, seria a substituta de ‘Pantanal’. Todo este cronograma foi atrasado devido à pandemia. A estratégia é arriscada, tirar um autor titular da fila das 21h e levar a novela que vem sendo preparada desde 2019, no ar exclusivamente no Globoplay, sem mexer na história e na quantidade de capítulos. A divulgação vai precisar ser pesadíssima.

Alta rejeição

Com 84,93%, a influencer Jade Picon foi a sétima eliminada do BBB22, na noite de terça-feira (8). A jovem disputou paredão com o ator Arthur Aguiar e a professora Jessilane. Durante as sete semanas em que esteve na edição, Picon travou duras brigas com Aguiar e o colocou no paredão três vezes, incluindo esta última.

Substitutas a vista

A Globo estuda possibilidades para substituir ‘O Cravo e a Rosa’ na faixa de reprises da tarde, levando em conta que o público comprou a ideia de novelas neste horário. Nesta semana, a trama escrita por Walcyr Carrasco e protagonizada por Adriana Esteves e Eduardo Moscóvis registrou índices surpreendentes para a grade e impulsionou as novelas da faixa noturna. ‘Cheias de Charme’, de 2012, é forte candidata a ocupar a vaga no segundo semestre.

Se fosse obra aberta…

‘Um Lugar ao Sol’ estreou totalmente gravada e seus atores já estão compromissados com outros trabalhos, o que impediria a gravação de novos desfechos aos personagens. Isto vai mexer com os desejos do público em relação aos finais de alguns personagens. Por exemplo, o casal Rebeca e Felipe foram super aceitos, mas não devem terminar juntos.  Prova de que novela precisa ser uma obra aberta e o autor precisa construir a história conforme o público vai reagindo. Claro que neste caso foram por consequências da pandemia, mas serve de lição para a emissora não apostar em novelas como obra fechada. Isto é coisa de série.

Será?

Aguinaldo Silva, fora da Globo desde o fim de ‘O Sétimo Guardião’ em 2018, disse nas redes sociais ter vontade de escrever nova versão do clássico ‘Tieta’, sucesso protagonizado por Betty Faria nos anos 80. O novelista ofereceu a proposta para plataformas de streaming como Netflix e HBO Max, mas ainda não teve retorno. A ideia seria reescrever a trama com menor quantidade de capítulos e trazendo-a para a atualidade.

Publicado na edição 10.651, de sábado a terça-feira, de 12 a 15 de março de 2022.