Policial teria atirado em jovens, segundo moradores do Sta. Terezinha

0
240

“Vou passar aqui de moto, vou dar tiro”. Assim teria dito um policial militar a jovens do Santa Terezinha, segundo moradores, dias atrás. Na manhã de quarta-feira (29), o suposto policial passou de moto pela rua Francisco Ferreira de Andrade e atirou várias vezes em direção a um grupo de jovens que estava na calçada. Em seguida, disparou contra Luciano Soares Cerqueira, 24, que estava próximo ao local, acertando o jovem na região do abdomem. Segundo moradores, o principal motivo do crime seria acerto de contas, em resposta ao assassinato do policial militar reformado Armando Reis Lopes de Oliveira, 51, conhecido como cabo Reis, próximo ao Hospital Municipal Julia Pinto Caldeira, no início de agosto. “Estavam comentando, depois que morreu o policial (cabo Reis), que iriam montar um grupo de extermínio. ‘Está morrendo polícia, vamos matar bandido também’, eles teriam retrucado”, diz um morador.

Criminoso dispara contra jovens - Um dos tiros acertou o muro da casa nº 319. Moradores da rua Francisco Ferreire de Andrade, no Santa Terezinha, viveram momentos de pânico,

 

(…)
Leia mais na edição n° 9444, dos dias 30 e 31 de agosto de 2012.