Atividade da indústria de SP deve encerrar o ano com queda de 5,8%

0
229

Presidente da Fiesp, Paulo Skaf, anuncia frente nacional dos setores produtivos contra o aumento de impostos.

A atividade da indústria paulista – conjunto de variáveis como horas trabalhadas, total de vendas e utilização da capacidade instalada– deve encerrar 2015 com queda de 5,8%. A estimativa é do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo). A projeção anterior era de queda de 5% para o ano.

(…)

Leia mais na edição nº 9888, dos dias de 10 e 11 de setembro de 2015.