Bebedouro poderá ganhar novo HM

0
260

Com apoio do deputado Gilson de Souza, Galvão tenta convencer Alckmin liberar verba para construção e não reforma.

Reforma do Hospital Municipal Júlia Pinto Caldeira está orçada em R$ 20 milhões, montante suficiente para construir novo prédio. Este é o argumento que o prefeito Fernando Galvão (DEM) usa para convencer Geraldo Alckmin (PSDB) a construir um novo.
Nesta tarefa, Bebedouro está contando com apoio do deputado estadual Gilson de Souza, que tem conseguido agendar audiências com o secretário de Saúde David Uip e com o governador.

Precário - Janelas de sala de preparação de medicamentos, no setor de internação, precisam de reforma.

(…)

Leia mais na edição nº 9620, dos dias 7 e 8 de novembro de 2013.