Bebedouro tem mais um óbito pela Covid-19, somando 63

Prefeitura decreta o que pode ou não funcionar na fase vermelha, com especificações para cada setor.

0
365

São 2.620 pessoas infectadas pela Covid-19 em Bebedouro, desde março de 2020, segundo boletim epidemiológico diário da Secretaria Municipal de Saúde. Dentre os pacientes com diagnóstico positivo, 2.332 residem em Bebedouro e 288, na microrregião. Comparado à atualização de terça-feira (19), são 114 casos a mais.

A cidade soma 2.543 pacientes já recuperados do vírus (2.257 de Bebedouro e 286 da região) e 14 infectados em isolamento domiciliar (12 da cidade e dois de fora), ainda apresentando sintomas do vírus. 63 óbitos em decorrência da Covid-19 já foram registrados, sendo o mais recente ocorrido na sexta (22), de homem, 85, com complicações por câncer de próstata.

Na segunda (25), a ocupação de leitos em Bebedouro, considerando UTIs públicas e privadas, é de 73%, com 19 leitos ocupados, do total de 26. Somente no Hospital Estadual, são 15 pacientes em estado grave, dos 20 leitos disponíveis (75%). Na Unimed, em quatro dos seis leitos há pacientes (66%). Há ainda quatro bebedourenses em UTIs de Barretos. As internações em enfermaria somam 17, sendo nove no Hospital Estadual, sete no Municipal e três na Unimed, que ainda não constam do total de infectados.

Na fase vermelha

Segundo decreto municipal publicado nesta segunda (25), devido à classificação de Bebedouro na fase vermelha do Plano SP, fica permitido neste período, o funcionamento total de serviços de saúde, farmácias, postos de combustíveis, produção agropecuária, transporte coletivo e individual de passageiros, limpeza, bancos, lotéricas, construção civil e alimentação, através de mercados, açougues e padarias, que devem receber um cliente por 10m² e apenas um por família, com aferição de temperatura na entrada. É proibida a entrada de menores de 14 anos.

A Feira Livre continuará funcionando na praça da Prefeitura aos domingos, sem consumo no local. Aos ambulantes e food trucks, está permitido o uso de espaços públicos, apenas com delivery e retirada. Aos finais de semana, os trailers devem atender apenas até 20h.

O comércio, assim como shopping e galerias, devem permanecer com atendimento na porta apenas para retirada de produtos. Aos finais de semana, o funcionamento está proibido nestes setores.

Templos religiosos não podem celebrar cerimônias, sendo permitida a entrada de um fiel por vez, para orações individuais. Academias e clubes devem permanecer de portas fechadas. É terminantemente proibida a realização de festas e eventos com aglomerações em salões, edículas e buffets.