Cai 34% o número de acidentados, em novembro

0
323

Na contrapartida, aumentam os casos de atropelamento.

Conforme apontam os registros do Hospital Municipal Júlia Pinto Caldeira, no mês de novembro, o número de acidentes atendidos pela UPA (Unidade de Pronto Atendimento), caiu 34%, passando de 77 vítimas em outubro, para 51 no mês de novembro.
A maior causa dos acidentes são quedas, colisões e atropelamentos, nesta ordem. Dentre os veículos ligados a estes acidentes, em novembro foram 42 envolvendo motocicletas. Em outubro, o mototaxista Bianor José Eugênio sofreu um acidente enquanto trabalhava e o motorista do veículo que o atingiu não prestou socorro. Ele sofreu fraturas na perna e ainda aguarda a segunda cirurgia.

(…)

Leia mais na edição nº 10072, de 20 e 21 de dezembro de 2016.