Confira a capa da Gazeta, edição de nº 10526, de 17 a 20 de outubro de 2020

Ministério Público abre mais um inquérito contra a Câmara

0
23

A 4ª Promotoria de Justiça de Bebedouro instaura inquérito civil para apurar a regularidade da contratação direta, com dispensa de licitação, da Fipecafi, pela Câmara Municipal de Bebedouro, para revisão da estrutura administrativa e implantação de plano de cargos e salários dos servidores da Casa.
Baseado na representação do servidor público Miguel Quessada, o inquérito questiona, dentre inúmeros apontamentos, a contratação da fundação pelo valor de R$ 107.400, e a transformação do cargo de Assistente Parlamentar em Procurador, sem a realização de concurso público. Trata-se como a Gazeta já noticiou, o maior salário pago pela Câmara, cujo valor só tem equivalência na Câmara da Capital.