Crescem as queimadas no Brasil e caem em Bebedouro

0
149

Tempo seco, falta de fiscalização e aumento do desmatamento contribuíram para o crescimento de focos de incêndio no Brasil.

O Brasil teve em 2015 aumento de 27,5%, no número de queimadas, segundo o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais). Foram detectados por satélites 235 mil pontos de calor, ante 184 mil em 2014. Trata-se do segundo pior ano de toda a série histórica, iniciada em 1999.
Na contramão do país, o número de queimadas na cidade caiu 65% no ano passado, com 75 focos ante 214 em 2014, índice melhor que do estado de São Paulo, que também reduziu focos de incêndio em 58%.

(…)

Leia mais na edição nº 9933, de 7 e 8 janeiro de 2016.