Cruzes espalhadas pela cidade não têm autorização da Prefeitura

0
115

O mistério continua. Não foi localizado o responsável pela colocação das cruzes de madeira com quase 2 metros de altura, envernizadas e fixadas com cimento, com os dizeres ‘Bebedouro é uma cidade cristã’, nas várias entradas da cidade.  “No levantamento que fizemos não entrou nenhum pedido solicitando a  implantação, portanto a coleção de cruzes é ilegal. Tinha ficado a cargo de Regiane Jatubá (que faleceu na quarta-feira, 25), a determinação das retiradas das cruzes”, informa o diretor do Depto. Jurídico, Rodrigo Domingues, argumentando que recebeu algumas manifestações contra a retirada das cruzes, mesmo sendo consideradas ilegais.. “Recebi muitas ligações de pessoas religiosas, também fui parado na rua, por isso não tomamos nenhuma atitude em relação a isso. Pedimos para o Depto. de Trânsito fazer um estudo se as cruzes estavam atrapalhando o trânsito e o pedestre e eles disseram que não. Até o final da semana que vem teremos um posicionamento a respeito do caso”, diz Domingues dizendo ser a favor da retirada. As cruzes também foram implantadas em áreas de domínio da Concessionária de Rodovias Tebe. Por meio de sua assessoria, a Tebe informou que esrtas cruzes em seus domínios foram retiradas na quarta-feira (25).

 

Publicado na edição n° 9430, dos dias 28, 29 e 30 de julho de 2012.