Desmentindo Bola, Saaeb contesta corte de água no cemitério

Diretor e engenheiro da autarquia também esclarecem suspensão de abastecimento na zona Norte e negam racionamento.

0
66
Quem entende – Presidente e diretor de operações do Saaeb Ambiental rebatem críticas sobre o abastecimento de água e negam acusações de vereador. (Gazeta)

Na última sessão ordinária da Câmara Municipal, na noite de segunda-feira (2), o vereador Paulo Ignácio Pereira, conhecido como Paulo Bola (MDB), criticou o Saaeb Ambiental por suspender o abastecimento de água no Cemitério Municipal de São João Batista, após denúncias via redes sociais de que haveria vazamento de água no local.

Em entrevista exclusiva a Gazeta, Marcelo Negro esclarece que a acusação de Bola é falsa. “Não houve corte no abastecimento do cemitério, apenas retiramos as torneiras para verificar se há vazamentos ou se elas estão ficando abertas. O consumo de água no cemitério, neste último mês, foi de 300 mil litros, muito acima da média, portanto, obviamente há algo errado. Encontrando o erro, buscaremos corrigi-lo”, afirma Negro, reiterando que não houve corte, mesmo porque as contas de água do cemitério estão em dia e o Saaeb só está autorizado a interromper abastecimento, em caso de falta de pagamento.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

Publicado na edição de nº 10424, de 4, 5 e 6 de setembro de 2019.