Em 17 dias, Bebedouro registra apenas 3 casos de Covid-19

Vacinação avança e 80% da população já recebeu as duas doses. Dose adicional foi aplicada em 19% do público.

0
57
Mais vacina – Gazeta registra movimento no vacimóvel, na quarta-feira (15), na rua do comércio. Este mutirão acontece todos os dias das 17h às 21h.

Os casos positivos de Covid-19, em Bebedouro, mantêm tendência de queda. De 1º a 17 de dezembro, de acordo com Boletim Epidemiológico, foram apenas três novos casos na cidade. Neste mesmo período, em novembro, haviam 12 positivados, redução de 75%.

O boletim de sexta-feira (17), mostra mais um caso positivo de Covid-19. Agora, são 12.279 positivados desde o início da pandemia. Na última atualização da Gazeta, na edição de quarta (15), eram 12.278.

São dois os pacientes em monitoramento e 17 aguardando resultados de exames. No Hospital Estadual, há dois pacientes em leitos de enfermaria e mais dois em UTI. Na rede privada, todos os leitos estão desocupados.

Vacinômetro

De acordo com o vacinômetro, atualizado às 12h pelo governo de São Paulo, o número de vacinados com a primeira dose em Bebedouro está em 64.031 ou 82,56% da população. Com dose única ou segunda dose são 61.862 bebedourenses ou 79,77% da população. Já os vacinados com a dose adicional representam 19%, com 14.735 aplicações. De acordo com a Vigilância Epidemiológica, o números de faltosos da segunda dose está em 3.605 e da dose adicional, 12.170.

Pfizer para crianças

A  Anvisa aprovou, na quinta-feira (16), a indicação da vacina da Pfizer para imunização contra Covid-19 em crianças na faixa etária de 5 a 11 anos. De acordo com a Anvisa, “a aprovação aconteceu após análise técnica criteriosa de dados e estudos clínicos conduzidos pelo laboratório”, e segundo equipe técnica da Agência, “as informações avaliadas indicam que a vacina é segura e eficaz para o público infantil, conforme solicitado pela Pfizer”.

A Anvisa alerta também que a dosagem da vacina para este público é diferente da utilizada em maiores de 12 anos: “A formulação da vacina para crianças será aplicada em duas doses de 0,2ml (equivalente a 10 microgramas), com pelo menos 21 dias de intervalo entre as doses”.

Além disto, a tampa do frasco da vacina terá cor laranja, facilitando a identificação pelas equipes de vacinação e também pelos responsáveis pelas crianças. Para os maiores de 12 anos, a vacina a ser aplicada em doses de 0,3ml, terá tampa na cor roxa.

Assim que o anúncio da Anvisa foi feito, a Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo encaminhou ofício à Pfizer, comunicando o interesse do Governo do Estado em adquirir a vacina contra Covid-19 destinada a crianças, além de oficiar o Ministério da Saúde, solicitando liberação e disponibilização imediata destas doses para vacinação, pois o ministro Queiroga não deu previsão do início da vacinação para esta faixa etária.

Em Bebedouro, a secretaria de Saúde, Sílvéria Larêdo, diz que haverá reunião na segunda-feira (20): “Por enquanto nada oficial, vamos esperar chegar as doses e montar o calendário para esta faixa etária”.

Taxa de transmissão

A Taxa de Transmissão (Rt) na regional de Barretos, a que Bebedouro pertence, caiu 1,26%, segundo dados de sexta-feira (17), apresentados pelo Info Tracker/SP Covid-19. Na última atualização da Gazeta, em 15 de dezembro, a taxa estava em 0,79 e agora está em 0,78. As demais regionais, sempre acompanhadas pela Gazeta, também tiveram variação na taxa de transmissão em três dias. Ribeirão Preto estava com 0,69 e agora marca 0,67, (-2,89%). São José do Rio Preto cresceu 6,02%, passando de 0,83 para 0,88. Franca estava com 0,86 e agora registra 0,93 (+8,13%). Araraquara subiu de 0,71 para 0,72 (+1,40%).

Vacina para gripe

Os casos de Influenza H3N2 começam a preocupar autoridades de saúde. Na capital paulista, os casos têm aumentado, mesmo com as medidas de proteção, como uso de máscara, continuar sendo exigido em locais abertos e fechados.

Em entrevista à Gazeta, Silvéria Larêdo confirmou que as vacinas contra gripe, enviadas pelo Estado, terminaram em maio, “mas recebemos doação de empresa privada da região de 400 doses e elas estão distribuídas nas unidades de saúde. A população pode procurar para se vacinar”.

Publicado na edição 10.633, de 18 a 22 de dezembro de 2021.