Fernando Galvão, Bebedouro precisa de sua eficiência

0
114

Depois de uma campanha sofrida, recebendo ataques e ofensas, eleitores confirmam preferir a ética e a limpeza de Galvão.

A política local é a que mais afeta o dia-a-dia do cidadão. As eleições municipais são essenciais porque a vida pública e a vida privada se encontram rotineiramente. É onde as prioridades e as competências passam por crivo constante e imediatista de cada cidadão.
Mas o que precisamos arguir, mais do que a personalidade do prefeito eleito, é o que queremos para nossa cidade.
Os principais desafios para você, prefeito eleito de Bebedouro, incluem desenvolvimento, oportunidades de emprego, serviços básicos como coleta de lixo, tratamento de esgoto, regras urbanas eficientes e satisfação das necessidades primárias com acesso a saúde e educação prósperos; e um problema novo, a gestão da mobilidade, com transporte público coerente com a realidade atual, não só a frota de ônibus urbanos decente, mas a disponibilidade de táxis, mototáxis, incentivo às duas rodas com ciclovias, deslocamentos entre municípios, e mais do que isso, que você, Galvão, interesse-se pelo zelo da mobilidade dos moradores de Bebedouro e suas vias. Que também a região do lago e a Fonte Sonoro-Luminosa Gazeta de Bebedouro sejam novamente os cartões postais da cidade que tanto orgulham os bebedourenses. Sem esquecer a atividade e a vida rural que integram a vocação primeira da cidade.
Reconhecer as fraquezas e admitir falhas pode ser o primeiro passo para você encontrar soluções. Ao encontrá-las podemos outra vez, quem sabe, tornarmo-nos referência e o bebedourense se identificar novamente com a cidade e orgulhar-se dela.
Quem vive em Bebedouro, a partir de agora, deposita em você Fernando Galvão, suas esperanças.
Que sua competência, sua vontade, seu caráter e seu amor a Bebedouro, iluminem seus caminhos.

 

Publicado na edição n° 9460, dos dias 8 e 9 de outubro de 2012.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorNovena
Próximo artigoImperdível