Inter sub-15 empata com São Paulo pelo Paulistão

Com elenco composto por atletas experientes, time precisa de apenas um ponto para chegar às quartas de final.

0
43
Comemoração – Abrindo o placar, Inter marca primeiro gol da partida, nos primeiros cinco minutos do segundo tempo. (Reprodução FPF TV)

Neste sábado, o sub-15 da Inter de Bebedouro empatou por 1 a 1 em partida contra o São Paulo, pela terceira rodada da 2ª fase do Campeonato Paulista, com disputa em casa, no estádio Sócrates Stamato. Às 10h, a bola começou a rolar e durante todo o primeiro tempo, não foram registrados gols.

O marcador do placar só foi aberto aos cinco minutos do segundo tempo, quando Kayke Grotto balançou a rede do adversário. Porém, não demorou muito para o empate chegar: Aos 18 minutos do segundo tempo, o tricolor também pontuou, com gol do meio campista Felipe Oliveira.

Com este resultado, tanto a Inter quanto o São Paulo seguem na liderança do grupo oito, com sete pontos cada. Ocupa a terceira posição do grupo, o Nacional-SP, com três pontos, e em quarto, o Comercial de Ribeirão Preto, com zero. São Paulo e Inter de Bebedouro voltam a se enfrentar no sábado (20), em Cotia, pela quarta rodada do campeonato.

‘Acostumados com vitórias’

Desde o começo da competição, em agosto, o time sub-15 da Inter de Bebedouro já disputou 13 partidas: 10 pela primeira fase e três pela segunda. Neste total, a Inter contabiliza 31 gols em 10 vitórias, dois empates e uma única derrota; e sofreu 11 gols.

A campanha positiva no Campeonato Paulista é resultado da captação de atletas desenvolvida pela gestão. “São jovens de 14 e 15 anos, disciplinados, com treinos para atletas de alto rendimento. Vieram de diversas regiões, como Mato Grosso, Pernambuco, Rio Grande do Sul. É necessário, para o fortalecimento do time. Não é possível desenvolver elenco com tamanha desenvoltura e qualidade que temos hoje, apenas com atletas da região”, explica Marcelo Augusto, gestor da categoria de base da Inter de Bebedouro.

Além da diversidade de origem, os jovens que representam o lobo vermelho têm currículo gabaritado. “São atletas que estavam no São Paulo, Palmeiras, Santos, Corinthians, Grêmio. São maduros, com rodagem, acostumados com vitórias. Não são atletas acostumados com derrotas”, garante o gestor.

A combinação de experiência e disciplina, segundo Marcelo Augusto, já garantiu ao clube a presença nas quartas de final. “Hoje, na chave geral, estamos na terceira colocação, acima dos clubes maiores, como Corinthians, Palmeiras, Ponte Preta. Já sabemos que estaremos nas quartas, porque precisamos de apenas um ponto e ainda teremos três jogos pela frente. Temos expectativa de chegar à final. É um excelente elenco”, projeta o responsável pela equipe.