Jovens de 21 a 23 anos serão imunizados nesta segunda (6)

Na quarta-feira (8), será a vez das faixas etárias de 18 a 20 anos. A imunização ocorre na Feccib velha, das 15h às 21h.

0
469
Manhã movimentada – Jovens sem comorbidades, de 17 a 15 anos, lotaram a Feccib velha para receberem a primeira dose da vacina Pfizer.

Após realinhamento do fluxo de vacinas, tanto das primeiras quanto das segundas doses, a Secretaria de Saúde prepara dois mutirões para imunizar os jovens de 18 a 23 anos, concluindo assim a vacinação de adultos em Bebedouro. A imunização por esta faixa etária estava suspensa desde 18 de agosto, quando vacinaram-se pessoas de 24 anos.

“Na próxima segunda-feira (6), vacinaremos a faixa etária de 21 a 23 anos. Na quarta (8), de 18 a 20 anos. Fizemos um levantamento do número de doses, readequamos o fluxo e, mesmo com as divergências dos dados do IBGE, conseguimos criar uma alternativa para atender estas faixas etárias. Gostaria de tranquilizar os jovens e suas famílias”, afirma o prefeito Lucas Seren à Gazeta.

Na segunda-feira (6), véspera do feriado da Independência, os jovens serão imunizados nos seguintes horários: 23 anos, das 15 às 17h; 22 anos, das 17h às 19h; e, 21 anos, das 19 às 21h. Já na quarta-feira (8), será a vez das faixas etárias: 20 anos, das 15 às 17h; 19 anos, das 17h às 19h; e, 18 anos, das 19 às 21h. A vacinação ocorrerá na Feccib velha.

Para receber a vacina é necessário apresentar o RG, CPF, cartão do SUS e o cadastro preenchido no www.vacinaja.sp.gov.br.

 

Adolescentes sem comorbidades

 

Na manhã de sexta-feira (3), Bebedouro vacinou adolescentes sem comorbidades, de 17 a 15 anos, com a primeira dose da vacina Pfizer, a única autorizada pela Anvisa para este público.

Desde às 8h, jovens, pais e responsáveis formaram uma grande fila na Feccib velha para receber o imunizante. Segundo a Vigilância Epidemiológica, a cidade recebeu 2.200 doses para este público.

A nutricionista Keli Colósio levou a filha Sofia para imunizar-se: “É muito gratificante estar aqui, diante de tudo o que aconteceu e de tantas pessoas que não tiveram esta oportunidade. Estamos extremamente felizes. Gratidão”.

Os jovens José Luiz Junqueira Franco Gregorini e Ana Laura Iquegami, acompanhados por Fernanda Iquegami, afirmaram: “O sentimento é de alívio e de ter tirado um peso das costas. Estamos aqui pelas pessoas que partiram e não tiveram esta chance”.

A aplicação da segunda dose permanece sem alteração, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, na Feccib velha.

Publicado na edição 10.607, de  4 a 10 de setembro de 2021.