Laborterapia

0
94

Muitos são os chamados… Somente por mim se vai ao Pai….Senhor quando te vimos com fome, e te demos de comer?….Amarás ao Senhor teu Deus de todo teu coração e ao teu próximo, como a ti mesmo. Infindáveis as sugestões do Cristo para que olhemos o outro.
Vivemos tempos de abundância do ter e ausência do ser. Milhares de “amigos” e um vazio imenso nos invade, como nunca antes. A falta do sentido da vida e a permanente insatisfação, podem ser positivas, no momento em que as olhamos, decidimos e entendemos que somos parte de um todo. Aí, iniciamos um processo real de crescimento!
A laborterapia, analisada e estudada por especialistas da área de saúde, pode amenizar muitas dores e sofrimentos. E quando agregamos à laborterapia o “servir ao outro”, essa experiência torna-se repleta de significados. Aqui encontramos respostas, dissolvemos questões, elaboramos preguntas!
No meio de tanto caos, tragédias, injustiças, forças do bem trabalham incansavelmente para a manutenção do mínimo equilíbrio na Terra. Nosso convite é simples, vamos engrossar a essa fileira, ao invés de lamentar!
Somos os “Amigos do Chico”…isso, esse seu Chico! O que te faz querer ser melhor! Nosso credo? Cristo! Nosso trabalho? Abraçar a necessidade alheia, onde existir e em todos seus aspectos!
Todo domingo nos reunimos às 15 horas, na sede do CAE A Caminho da Luz com Chico Xavier, à Alameda Saquarema, número 30, no Jardim Menino Deus II. Preparamos com muito carinho, refeição, sobremesa e bebida, para 40 moradores de rua, e assim que terminamos de embalar, por volta das 18 horas, saímos pelos bairros da cidade e locais mapeados. Levamos o alimento do corpo, roupas, calçados…mas acima e além disso, levamos especialmente um olhar acolhedor, um abraço apertado e amigo, uma palavra de conforto…
Podemos ver nos olhos de nossos irmãos a importância em serem tratados como iguais, que realmente são. A gente poderia papear horas, mas vamos parar por aqui. Faz assim, reflete, pensa…mas não pensa demais, porque a vida passa e a cortina fecha! Decide! Vem trabalhar com a gente, você pode fazer a diferença, nos visite, nos telefone (17) 992572232,seu lugar de trabalho na seara está reservado. Acredite, somos todos os trabalhadores da última hora!

Contribuinte cidadão

Seja solidário, contribua através de destinações de parte de seu imposto de renda, colaborando para que crianças e adolescentes possam viver com dignidade.
O ECA (Estatuto da Criança e Adolescente), criado em 1990, oferece possibilidade a pessoas físicas e jurídicas (empresas), destinarem parte de seu imposto de renda devido ao Fundo Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente.
Tais doações permanecem no Município e são utilizadas em projetos sociais, além de suas aplicações ganharem visibilidade.
Basta você, pessoa física depositar até 6% do seu imposto devido na conta corrente bancária administrada pelo Conselho e apresentar a Declaração de Ajuste Anual (até a data prevista para entrega de sua declaração) no modelo completo e pessoa jurídica até 1% sobre o lucro real, nas datas de vencimento do imposto devido.
Faça o depósito até o último dia útil bancário do mês de dezembro, (30), em seguida dirija-se ao Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA, Casa dos Conselhos, avenida Amélia Bernardini Cutrale, 2.570, para trocar seu comprovante de depósito por um recibo de destinação, e, se quiser direcionar até 50% do valor destinado a determinada entidade social de sua preferência. O recibo servirá para deduzir o seu I.R., na Declaração de Ajuste Anual, entregue em abril do ano seguinte.
As declarações feitas no modelo simplificado não dão direito a restituição da destinação.
Dados para depósito: Banco do Brasil, agência 0054-X, C/C: 130.251-5 (Fundo Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente. Mais informações ligue, 3342-1641.

(…)

Leia mais na edição nº 9931, de 24 de dezembro de 2015 a 5 de janeiro de 2016.