Lona do recinto de lutas será trocada, afirma diretor de Esportes

Judoca disse a Gazeta que o local não apresentaria condições favoráveis para o treinamento dos alunos.

0
245

“Lona rasgada, suja e que dificulta o aprendizado”, esta foi a reclamação de um atleta que utiliza a sala de judô do Departamento Municipal de Esportes. “Antes, a média de alunos era de 60. Nos dias atuais, gira em torno de 20 crianças, no máximo. Tem pais que não deixam mais os filhos frequentarem as aulas devido a estas condições”, afirmou o judoca em entrevista a Gazeta, mencionando ainda que o local também apresentaria pintura inadequada, deixando o ambiente mais escuro.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

 

Publicado na edição nº 10447, de 27 a 29 de novembro de 2019.