Mesmo sem projeto finalizado, Estatuto dos Servidores é questionado

Sindicato defende que projeto seja colocado em discussão, por meio de requerimento que seria votado na segunda, através do vereador Nas"er.

0
464
Discussão antecipada – Com 30 pessoas presentes, sindicato decidiu por defender realização de audiência pública. (Gazeta)

Mesmo sem a finalização do projeto, os funcionários públicos já questionam mudanças que poderão ser feitas no Estatuto dos Servidores Municipais. Em assembleia na sede do Sindicato dos Servidores Municipais, na sexta-feira (17), com objetivo inicial de discutir as mudanças, o presidente da entidade sindical, Lourival Basílio, tentou inflamar manifestação contra as mudanças, sendo decidido, entre quórum de 30 servidores, por pedido de audiência pública.
Em entrevista a Gazeta, o representante da comissão de estudos para as mudanças no Estatuto, Valdecir Valêncio, enfatiza que o projeto continua em fase de construção. “Quando o projeto estiver finalizado, pretendemos ir aos departamentos, autarquias e setores da Prefeitura, para conversar e esclarecer dúvidas”, garante o servidor.
No início da assembleia, o presidente Basílio tentou impedir a presença da Gazeta para cobertura da reunião, sendo contrariado por parte dos servidores. A Gazeta repudia veementemente a postura do sindicalista.

(…)

Leia mais na edição nº 10106, de 21 e 22 de março de 2017.