Morre aos 82 anos, Juracy Arruda

0
259

Nascido em São Carlos, ajudou a construir as memórias do Museu Ferroviário de Bebedouro, inaugurado em 2005.

Faleceu na tarde de terça-feira (14), no Hospital Municipal Júlia Pinto Caldeira, Juracy Arruda, aos 82 anos.
Familiares ainda abalados informaram que Arruda teria sofrido um AVC (Acidente Vascular Cerebral), há uma semana. Na tarde de terça-feira (14), com complicações respiratórias e inchaço no coração, não resistiu e faleceu por volta das 16h30.
O historiador Rogério Fábio conta que Arruda além de maquinista foi um ícone ferroviário: “Quando os alunos visitavam o Museu, o senhor Arruda contava toda a história para eles. Ele, ao lado do também falecido senhor Coutinho, ajudaram a montar o Museu Ferroviário. Na inauguração, em 30 de abril de 2005, foi homenageado”, disse Fábio, lamentando a perda.
Senhor Arruda, como era conhecido, era viúvo e deixa os filhos: Sandra Leonor, Sebastião, Eugênio Carlos, Valquiria, Julio Cesar (in memorian) e Evandro Luiz.
O corpo de Juracy Arruda foi sepultado às 14h30 de quarta-feira (15), no cemitério São João Batista.
A Gazeta se solidariza com os familiares.

Publicado na edição nº 10094, de 16 e 17 de fevereiro de 2017.