Pacote da Saúde é aprovado por vereadores

0
208

O próximo passo, segundo Galvão, é a implantação da Secretaria da Saúde. 

Contratação de sete médicos para ESFs, diminuição na jornada de trabalho de enfermeiros e técnicos, regularização de plantões e abertura de crédito de R$ 280 mil para contratação de empresa que irá estruturar o sistema de informática da Saúde, foram alguns projetos do “Pacote da Saúde” enviado à Câmara pelo prefeito Fernando Galvão (DEM), e aprovado em sessão extraordinária, na segunda-feira (31 de agosto), à noite.
O prefeito ressalta que o próximo passo é a implantação da Secretaria da Saúde para gerenciar a nova rede de Saúde, com UPA, Hospital Estadual, Atenção Básica e ESFs, com todo sistema interligado.
Galvão volta a ressaltar que a transformação do Hospital Municipal Júlia Pinto Caldeira em UPA (Unidade de Pronto Atendimento) mais o Hospital Estadual devem gerar economia de R$ 10 milhões aos cofres municipais.

(…)

Leia mais na edição nº 9885, dos dias 1° e 2 de setembro de 2015.