Procuradoria Geral de Justiça ajuíza ação de inconstitucionalidade na Câmara

“Câmara ainda não foi notificada desta ação e, assim, que isto acontecer, o Jurídico responderá”, afirma o atual presidente.

0
51
Tribunal de Justiça - Procuradoria Geral de Justiça do Estado de São Paulo ajuíza “ação direta de inconstitucionalidade” sobre três cargos ocupados por servidores da Câmara de Bebedouro. (Divulgação)

A Procuradoria Geral de Justiça do Estado de São Paulo ajuizou “ação direta de inconstitucionalidade” sobre três cargos ocupados por servidores da Câmara de Bebedouro, indicando como réus, os Poderes Executivo e Legislativo do município.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

Publicado na edição 10.556, de 20 a 23 de fevereiro de 2021.