Promoção afirma que pedidos de famílias vulneráveis crescem

Segundo Elaine Lucas, desde o início da pandemia, de março do ano passado até o momento, as solicitações de ajuda dobraram no departamento.

0
247
Ajuda ao próximo – Pessoas que estão sendo vacinadas podem doar alimentos não perecíveis ao mais necessitados, apoiando a campanha “Vacina contra a fome”. (Divulgação)

A atual crise mundial causada pelo novo coronavírus impactou sobre grupos sociais de forma assimétrica. Em Bebedouro, a desigualdade culminou com pedidos de socorro de inúmeras famílias em vulnerabilidade.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

Publicado na edição 10.573 de 24 a 27 de abril de 2021.