Raiz bebedourense fincada em solo paulistano

“Se as pessoas são educadas, a corrupção acaba”

0
65
Despontando – Juiz Guilherme Madeira afirma que o maior crime é manter as pessoas na ignorância, maior que a corrupção e qualquer crime.sempre com um sorriso no rosto e a alegria que escolheu ter. (Gazeta)

Sempre cercado de poesia, beleza, literatura e história, este bebedourense deixou a cidade há mais de 20 anos em busca de seus primeiros sonhos. Hoje, mestre e doutor em Direito Processual Penal pela USP, professor na Universidade Presbiteriana Mackenzie e no Curso Damásio, Guilherme Madeira Dezem é movido, por várias paixões, dentre elas admiração à sua cidade natal, onde ‘tem sua raiz’.
Juiz de direito, o bebedourense em sua vinda a Bebedouro, na semana passada, recebeu a Gazeta e dividiu histórias de sua vida pessoal e profissional.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

Publicado na edição nº 10441, de 2 a 5 de novembro de 2019.