Roubos e furtos já ultrapassam o registrado em 2012

0
216

População se sente cada vez mais insegura, e números crescem a cada mês.

“Foi horrível, estávamos eu, meu marido e funcionários no estabelecimento, que fica na frente da minha casa, quando os dois homens entraram, mostrando a arma e ameaçando todo mundo. Eles usavam um tipo de meia no rosto e capacetes, falavam muitos palavrões e ameaçavam matar a gente, pedindo dinheiro. Um deles pulou nas costas do meu marido, puxando seu cabelo e pedia dinheiro”, relembra a comerciante que foi vítima de roubo nos últimos dias.

Medo – Moradores vítimas de roubos e furtos demonstram a insegurança sentida por toda a população.

(…)

Leia mais na edição nº 9606, dos dias 5, 6 e 7 de outubro de 2013.