Saúde não tem previsão para finalizar imunização de maiores de 18 anos

Governo estadual anunciara que prazo final seria segunda-feira (16), mas, Bebedouro ainda vacina faixa de 24 anos, na quarta (18).

0
525
“Dia D” – Na manhã de terça-feira (17), eram esperadas 900 pessoas com comorbidades e diferentes idades para receberem a 2ª dose. Apenas metade compareceu. (Gazeta de Bebedouro)

Sem cumprir o calendário anunciado pelo Governo do Estado de São Paulo de vacinar os adultos maiores de 18 anos até a última segunda-feira (16), Bebedouro ainda imuniza nesta quarta-feira (18), homens e mulheres de 24 anos, das 16h às 20h, na antiga Feccib, com a 1ª dose contra a Covid. Aproximadamente mil doses estão disponíveis para esta faixa etária.

“Não existe previsão para terminarmos a imunização das pessoas maiores de 18 anos. Conforme a Regional de Saúde de Barretos nos informa das doses disponíveis para Bebedouro, vamos agendando novas faixas etárias”, explica a secretária de Saúde, Silvéria Larêdo.

“Nosso interesse é vacinar o maior número de pessoas, só que as doses não estão chegando para o município e tão logo elas cheguem, marcamos no mesmo dia, sempre que possível. Já houve dias de recebermos vacina ao meio dia e vacinarmos às 16h. Este é meu compromisso com a população, tendo vacina, não esperamos e fazemos no mesmo dia”, afirma Larêdo, completando: “O que está impactando a vacinação em Bebedouro é a falta de doses. Por isso, fizemos solicitação ao governo estadual de mais 7 mil doses para cobrirmos a população do município com até 18 anos, mas, ainda estamos aguardando resposta”.

Questionada pela Gazeta por não realizar vacinação às sextas-feiras e aos sábados como ocorre nas cidades da região, Silvéria Larêdo diz que esta afirmação não procede. “Isto não é verdade. Vacinamos conforme chegam as doses. Houve dias de trabalharmos de segunda a sexta-feira até às 20h, porque havia vacinas”, declara a secretária em tom ríspido.

Novas faixas etárias anunciadas

De acordo com a secretária de Saúde, na próxima quarta-feira (25), Bebedouro imunizará adolescentes com 16 e 17 anos com comorbidades, deficientes e grávidas, das 16h às 20h, na antiga Feccib.

Para receber a vacina é necessário comprovar a condição de risco. As grávidas devem levar o cartão de gestante e as pessoas com comorbidades e deficientes, os exames comprobatórios e relatórios médicos.

“Agendamos esta data e já divulgamos para que os responsáveis por estes jovens possam procurar seus médicos e providenciar a documentação necessária e que deve ser entregue no ato da vacinação. Todos devem levar o RG, CPF e cadastro preenchido no www.vacinaja.sp.gov.br. Faremos a imunização destes adolescentes com vacinas da Pfizer, única autorizada para esta faixa etária no Brasil”, esclarece Larêdo. O público estimado para receber o imunizante são 280 pessoas.

O Governo do Estado de São Paulo considera como comorbidades, diabetes, doenças cardíacas e renais crônicas.

Segunda dose

Apesar do “Dia D” para aplicação da 2º dose contra a Covid, realizado na terça-feira (17), para pessoas com comorbidades e diferentes idades, imunizadas com doses da vacina AstraZeneca, de 17 a 19 de agosto, a Secretaria de Saúde segue com cronograma destas faixas etárias até sexta-feira (20), das 8h às 12h, na antiga Feccib.

“O intuito foi otimizar tempo e mão-de-obra, mas, infelizmente, a busca foi pequena, por isso, manteremos até o fim da semana”, ressalta Larêdo, mencionando que foram aplicadas cerca de 400 doses e o público esperado era de 900 pessoas.

Vacinômetro

Segundo o Vacinômetro do Governo de São Paulo, atualizado até às 12h04 de terça-feira (17), a cidade havia aplicado 77.780 doses da vacina contra Covid. São 50.769 pessoas com 1ª dose, representando 65,46% da população total e 27.011 pessoas (34,83%) receberam também a 2ª dose ou dose única, completando seu esquema vacinal.

Publicado na edição 10.602, de 18 a 20 de agosto de 2021.