Secretária, deputado e produtores discutem alternativas para a citricultura

0
223

A secretaria Mônika Bergamaschi se comprometeu em agendar reunião em Brasília para discutir problemas do Ceagesp de São Paulo. 

Aconteceu na terça-feira (14) em São Paulo, audiência para buscar soluções e alternativas para o setor de citricultura que sofre com problemas de escoamento da produção de laranja. Participaram da reunião: a secretária de Agricultura e Abastecimento (SAA), Mônika Bergamaschi; o deputado Luiz Carlos Gondim (PPS); Manoel Dias Filho, produtor e distribuidor; Carlos Eduardo Haiek, presidente da Apesp; Claudio Furquim, também da Apesp; Maurício Gadini, produtor; Emilio Cesar Favero, produtor e atacadista; Paulo Celso Biasioli, da Associação de Citricultores da Região de Limeira (Alicitros). Durante a audiência, a secretária Mônika informou que o governador Geraldo Alckmin (PSDB), tomou algumas medidas para ajudar os produtores com isenção de taxas para o escoamento da laranja no Estado.

 

(…)
Leia mais na edição n° 9439, dos dias 18, 19 e 20 de agosto de 2012