Sob o olhar de quem sente na pele

“Só tem a real dimensão deste vírus, quem está na linha de frente”

0
85
Dedicação – A enfermeira Jéssica Camargo Malagutti fala do que sente na pele como profissional da Saúde, frente à pandemia e de seu amor pelo ofício. (Arquivo pessoal)

Tendo vivido em diferentes cidades, mesmo tão jovem, Jéssica Ribeiro de Camargo Malagutti escolheu Bebedouro, cidade onde foi criada, para exercer a profissão de enfermeira. Com dedicação e amor ao seu ofício, a entrevistada do Gente desta edição dá detalhes de sua infância, dos amigos que guarda até hoje e de seu dia a dia, frente à pandemia da Covid-19.
Aos 28 anos, a enfermeira está na linha de frente do enfrentamento ao vírus e, com bastante veemência, dá sua opinião sobre a necessidade do isolamento, das medidas restritivas e o que espera do mundo pós-pandemia.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

 

Publicado na edição nº 10498, de 4 a 7 de julho de 2020.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPor causa dele e deles
Próximo artigoReflexões na crise