Sobrinho de Italiano fala pela 1ª vez sobre a Operação Cartas Marcadas

0
249

Ex-diretor de gabinete defende-se da acusação de ser operador do esquema de fraudes em licitações públicas.

Pela primeira vez, o sobrinho do prefeito Italiano (PTB), ex-diretor de gabinete, Rafael Bianchini Marcussi concede entrevista exclusiva para contar sua versão sobre o caso Operação Cartas Marcadas.
O parente do prefeito alega que nem ele e nem Gelson Ginetti, outro ex-assessor suspeito de fazer parte do esquema de fraude, eram responsáveis pelos processos de licitações e contratação das construtoras suspeitas de serem beneficiadas pelo direcionamento das concorrências públicas.

Explicações – Rafael Marcussi conta como funcionava o Governo Italiano.

 

(…)
Leia mais na edição n° 9482, dos dias 4 e 5 de dezembro de 2012.