“A demanda do mundo é amar”

"Não desistam de mostrar à sociedade a força e o poder de um professor"

0
261
Nota 10 – A homenageada da Câmara pelo Dia dos Professores, Fabiane Juliari, fala de seu amor aos alunos que há 18 anos lhe incentivam a seguir na profissão. (Arquivo pessoal)

Para a entrevistada do Gente, a frase que carrega tatuada no braço, “A demanda do mundo é amar”, reflete sua dedicação à profissão que a escolheu: o Magistério. Premiada como “Professora Nota 10”, nesta Dia dos Professores, pela Câmara, Fabiane Cyrino Juliari fala de sua dedicação ao ato de ensinar e relembra sua trajetória na educação básica há 18 anos.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

Publicado na edição 10.617, de 16 a 19 de outubro de 2021.