Bebedouro está entre as melhores cidades para se viver após os 60 anos

Dados do IDL 2020 colocam a cidade em 18ª posição no país, na categoria de cidades pequenas, abaixo de 100 mil habitantes. Sociólogo analisa os dados.

0
512
(Gazeta)

Bebedouro é a 18ª melhor cidade para se viver após os 60 anos, no Brasil, na categoria das pequenas cidades, que inclui municípios de 50 a 100 mil habitantes, segundo o IDL (Índice de Desenvolvimento Urbano para Longevidade), estudo divulgado pelo Instituto de Longevidade ‘Mongeral Aegon’ com metodologia da Fundação Getúlio Vargas. No comparativo com o primeiro estudo divulgado em 2017, Bebedouro desceu da 10ª para a 18ª posição.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

 

Publicado na edição nº 10530, de 31 de outubro a 6 de novembro de 2020.