Em crescimento: Bebedouro tem 724 casos e 29 mortes pela Covid-19

Com dados da Fundação Seade, Gazeta analisa médias de contaminação e óbitos pelo vírus na cidade e nas regionais de Barretos e Ribeirão.

0
60

Desde os primeiros registros em março deste ano, Bebedouro soma 724 pacientes contaminados com Covid-19, segundo boletim epidemiológico de sexta-feira (21). Do total, 614 são de Bebedouro e 110 são pacientes da região. Dentre os números totais, a cidade contabiliza 560 recuperados, sendo 472 bebedourenses e 88 moradores dos municípios da microrregião. Há ainda 135 pacientes em isolamento: 113 de Bebedouro e 22 da região.
Os óbitos aumentaram para 29, de acordo com o boletim de quarta-feira (19), sendo o mais recente registrado em Bebedouro, no Hospital Estadual. A vítima é homem, 50, com histórico de obesidade e hipertensão, que passava por tratamento de diálise.
Há cinco bebedourenses internados em UTI (Unidade de Terapia Intensiva), entre Unimed e Hospital Estadual. Há também outros sete infectados em enfermarias de Bebedouro.
De acordo com o Simi-SP, do Governo de SP, o índice de isolamento de Bebedouro, manteve-se na terça e quarta (18 e 19), com 51%, e na quinta (20), com 53%.
Considerando os casos de Bebedouro e a população de 77,5 mil habitantes, há 9,34 pessoas contaminadas com Covid-19 por cada mil habitantes. Já a taxa de letalidade, que indica a porcentagem de pacientes infectados que faleceram em decorrência da doença, é de 4%, considerando 29 óbitos e 684 infectados.

Médias móveis
A Gazeta teve acesso aos dados da Secretaria Estadual de Saúde, computados pela Fundação Seade, que apontam as médias móveis de contaminações e óbitos diários, nos DRSs (Departamentos Regionais de Saúde) de Barretos e Ribeirão Preto, além da cidade de Bebedouro.
Com 724 casos e 29 mortes até quinta (21), o município de Bebedouro tem 8,0 casos por dia e média de 0,14 óbito diário, de acordo com os dados da fundação. Dentre os contaminados de Bebedouro, a maior faixa (27,8%) está entre 30 e 39 anos, sendo 56% mulheres e 44%, homens. Já entre os óbitos, a maioria (33,3%) está na faixa de 60 a 69 anos, sendo 43% de pessoas do sexo feminino e 57% do sexo masculino.
No DRS/Barretos, que reúne 18 municípios, a fundação aponta 7,074 mil casos e 187 mortes confirmadas em decorrência da Covid-19, até às 16h de sexta-feira (21). A média móvel é de 151,8 casos do vírus registrados por dia e média de 2,57 novos óbitos diários. O levantamento indica ainda que as 18 cidades têm 72,5% de ocupação das UTIs e 26,6% de ocupação das enfermarias.
Já o DRS/Ribeirão Preto, com 25 cidades, soma 26,526 mil casos positivos do vírus e 888 óbitos registrados, até sexta-feira (21), segundo a Seade, com média móvel de 358 novos infectados por dia e 13 óbitos diários. A ocupação de leitos de UTI das 25 cidades é de 65%, enquanto nas enfermarias, é de 55,9%.

Fonte: Fundação Seade. Dados fornecidos até às 16 h de sexta-feira (21).

 

Publicado na edição nº 10512, de 22 a 25 de agosto de 2020.