Engenheiro-agrônomo bebedourense entra para o ‘Hall da Fama da Citricultura Brasileira’

Eduardo Sanches Stuchi é diretor científico da Estação Experimental de Agronegócio de Bebedouro e pesquisador da Embrapa Mandioca e Fruticultura.

0
94
Reconhecimento – A experiência do engenheiro-agrônomo Eduardo Stuchi se estende há 31 anos de atividade na Estação Experimental e desde 2.003, presta serviços à Embrapa. (Reprodução/Evento digital)

O engenheiro-agrônomo Eduardo Sanches Stuchi, diretor científico da Estação Experimental de Agronegócio de Bebedouro e pesquisador da Embrapa Mandioca e Fruticultura entra para o “Hall da Fama da Citricultura Brasileira”, prêmio concedido pelo GConci (Grupo de Consultores em Citros), associação instalada em Cordeirópolis. Em 24 anos, está é a primeira vez que um representante da Embrapa é escolhido para receber a premiação.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

(Publicado na edição 10.597, 31 de julho a 3 de agosto de 2021)