Exército auxilia na higienização de hospitais e prédios públicos

Até quinta (27), batalhão faz aplicação de cloro e álcool para prevenção e combate à Covid em locais de maior circulação.

0
247
Combatendo o vírus – Hospitais e prédios públicos são os primeiros locais atendidos pelo batalhão do Exército, para desinfecção com cloro e álcool, prevenindo contaminações pela Covid. (Gazeta)

Bebedouro recebeu no sábado (22), militares do Exército Brasileiro para auxiliar na prevenção e combate à Covid-19, através de ações para sanitização de hospitais, unidades de saúde e prédios públicos, visando reduzir as contaminações pelo vírus.

O prefeito Lucas Seren contou à Gazeta, na sexta-feira (21), que a Prefeitura havia observado que o Exército Brasileiro estava oferecendo ajuda às cidades que precisaram impor medidas mais restritivas, caso de Bebedouro, que está em lockdown: “Fizemos o 1° contato através da equipe do Tiro de Guerra de Bebedouro, depois conversei com o general Hiroshi, da base de Campinas, que prontamente atendeu nosso pedido e disponibilizou toda sua equipe”, disse Seren.

A ação começou no sábado (22) e seguirá até quinta-feira (27), segundo o Tenente Coronel Daniel Coutinho, do batalhão de Campinas. Segundo ele, o objetivo é contribuir com a sociedade através de ações de combate  e prevenção à Covid-19, com a higienização de locais públicos, onde há maior concentração de pessoas.

No sábado (22), o Gripário e UPA 24h receberam sanitização; na segunda-feira (24) os hospitais Estadual e Municipal; na terça (25), todas os departamentos do Paço Municipal, inclusive o gabinete do prefeito, e laboratórios que realizam testes em pacientes com suspeita de Covid foram higienizados. As demais ações, segundo Coutinho, dependem da disponibilidade e da logística da tropa.

De acordo com o chefe de gabinete, Rogério Valverde, em ofício, a Prefeitura de Bebedouro solicitou também ao Exército, a higienização do almoxarifado, escolas e unidades de saúde, além das vias públicas de maior circulação.

Como preparação para desenvolver estas ações sanitárias, o batalhão recebe capacitação desde o início da pandemia: “Fomos capacitados pela 11ª Brigada de Infantaria Leve, nosso escalão superior. Depois, fizemos ação conjunta com o Batalhão de Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear, que é a tropa especializada do Exército para este tipo de ação. Desde então, estamos realizando diversas ações em apoio à sociedade para descontaminação de ambientes”, conta o Tenente Coronel, que esclarece sobre o método usado: “é aplicada solução de cloro com 0,5% de concentração, bastante eficiente para mortalidade do vírus. Nas superfícies de maior contato, é aplicado álcool 70%, contribuindo também na eliminação da Covid e prevenindo contaminações”.

O trabalho, segundo Coutinho, é realizado em mais de 100 cidades, sempre a pedido das prefeituras. Dentre os municípios em destaque pela importância da sanitização, está Araraquara, que viveu seu ápice da pandemia há alguns meses e recebeu as ações do Exército. “É sabido que as autoridades sanitárias regulam as medidas a serem adotadas por todos os departamentos públicos e privados, para evitar infecções, e esta ação do Exército é eficaz, porém, complementar, contribuindo com os procedimentos que já devem ser adotados diariamente”, afirma o Tenente Coronel.

Além da turma empregada nos trabalhos de Bebedouro, segundo Coutinho, outras duas equipes realizam ações preventivas em Batatais e Franca, que revezam-se nos atendimentos destas três cidades que adotaram medidas mais restritivas.

Publicado na edição 10.581, de 26 a 28 de maio de 2021.