Exportação paulista com bom desempenho

José Mario Neves David

0
34

O Instituto de Economia Agrícola da Secretaria de Agricultura do Estado de São Paulo divulgou recentemente os dados referentes às exportações e importações do agronegócio paulista no primeiro trimestre de 2021.

De acordo com o órgão, a balança comercial agrícola do estado foi superavitária em US$ 2,6 bilhões, já que as exportações (US$ 3,87 bilhões, 7,5% superiores ao mesmo período de 2020) se sobrepuseram às importações (US$ 1,2 bilhões, redução de 7% em relação ao primeiro trimestre de 2020) nos três primeiros meses deste ano, sendo os principais destinos da produção a China (20,7%), seguida pela União Europeia (13,7%) e os Estados Unidos (9,3%).

Das exportações do agronegócio paulista, destacam-se as vendas do complexo sucroalcooleiro (US$ 1,36 bilhão, sendo 86,1% de açúcar e 13,9% de álcool); de carnes (US$ 507,23 milhões, respondendo a bovina por 87,8% das vendas); do complexo de soja (US$ 438,08 milhões); dos sucos (US$ 347,57 milhões, 97,2% de suco de laranja); e de produtos florestais (US$ 341,18 milhões, com destaque para papel e celulose).

Em relação à pauta de importações, destacam-se o papel (US$ 86,25 milhões), o trigo (US$ 79,07 milhões) e óleos (US$ 65,97 milhões), tais como de palma e de dendê. Números fortes e consistentes que refletem um ambiente favorável de produção e comercialização e a forte demanda pela produção paulista.

(Colaboração de José Mário Neves David, advogado. jd@josedavid.net).

Publicado na edição 10.575 de 1º a 7 de maio de 2021.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorBalada 1: Kids
Próximo artigoQuem sabe faz ao vivo