Mãos que cuidam

0
236

O Indicador dessa semana aborda o profissional que estuda, diagnostica, previne e trata dos distúrbios de órgãos e sistema: o fisioterapeuta.
O âmbito do trabalho da fisioterapia é muito amplo e as tarefas são de grande responsabilidade e relevância.

 

Formação

O candidato que pretende seguir a carreira tem como primeiro passo prestar vestibular. No decorrer do curso o aluno terá uma formação intensa e com atividades práticas. “A graduação é estruturada dentro de um projeto pedagógico de oito semestres. Os alunos desde o primeiro ano começam a frequentar estágios de observação na Clínica-Escola do Centro Unifafibe, (localizada no Jardim Parati), onde os alunos supervisionados pelos professores atendem ao público gratuitamente”, explica Oswaldo Luiz Stamato Taube, coordenador do curso de fisioterapia do Centro Universitário Unifafibe, ressaltando que é importante que os alunos desde o primeiro ano, possam conviver com pacientes, “é uma forma de preparação para a entrada deles no mercado de trabalho. As atividades práticas intensificam-se a partir do 3° ano e no 4° ano os alunos ficam o tempo todo na Clínica. Só no ano passado, foram atendidas mais de 10 mil pessoas, fechando carga horária de 800 horas de estágio supervisionado. A nossa carga horária de 4.800 horas ultrapassa a estabelecida pelo Ministério da Educação”.
(…)
Leia mais na edição n° 9465, dos dias 20, 21 e 22 de outubro de 2012.