Moradores em situação de rua ocupam coreto da praça do Jd. Paraíso

Vizinhança reclama da agressividade, do mau cheiro e atentado ao pudor, em praça pública.

0
860
Mau cheiro – O local adotado pelos moradores em situação de rua está em estado deplorável, tomado pela sujeira e o forte odor.

Há algumas semanas, os moradores das adjacências da praça do coreto do Jd. Paraíso, região central da cidade, reclamam das atitudes agressivas e hábitos pouco civilizados de alguns moradores em situação de rua, que ocupam o coreto da praça Abel de Freitas, fazendo dele, moradia.
De acordo com o Creas Bebedouro (Centro de Referência Especializado em Assistência Social), são cinco pessoas em situação de rua que ocupam o local, três homens e duas mulheres, uma delas, sem família em Bebedouro, que deixaram as praças da Matriz e da Fonte e migraram para o coreto, em busca de abrigo nos dias mais frios.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

Publicado na edição de nº 10413, de 27 a 30 de julho de 2019.