Multinacional investe U$ 100 milhões em fábrica do setor da cana

0
397

A unidade foi inaugurada em Itápolis para produzir Plene, tecnologia que simplifica e amplia a eficiência do plantio de cana-de-açúcarna quarta-feira (13). Trata-se da primeira unidade da multinacional Syngenta (empresa presente em 91 países), no mundo, para a produção de Plene, uma tecnologia inovadora, desenvolvida 100% no Brasil, para simplificar e aumentar a eficiência do plantio dos canaviais. A multinacional investiu UU$ 100 milhões e em função da excelente receptividade e crescente demanda pela tecnologia, a Syngenta anuncia que planeja investir na duplicação da estrutura e capacidade produtiva da fábrica. Segundo a multinacional, o potencial de receita de Plene é de UU$ 500 milhões e trata-se de um dos principais projetos da multinacional no mundo e o mais importante em toda a América Latina. De acordo com a empresa, o setor sucroenergético tem o grande desafio de aumentar a produtividade dos campos para atender a crescente demanda por mais energia e alimento.

Perdas e ganhos – Depois da Cutrale ter desativado uma de suas linhas de produção, em Itápolis, a cidade recebe grande investimento da multinacional. (Foto: Divulgação)

 

(…)

Leia mais na edição n° 9413, dos dias 16, 17 e 18 de junho de 2012.