Prefeitura e Fundação não chegam a acordo em audiência conciliatória sobre estrada

Encontro integra o processo, movido pela Fundação, solicitando a anulação do decreto de desapropriação da vicinal.

0
288
Imbróglio – Abertura da vicinal foi autorizada pela justiça, em 20 de julho de 2018. Fundação recorre e TJ solicita perícia jucidial, antes da reabertura. (Gazeta/Arquivo)

Agendada para a tarde de segunda-feira (27 de maio), a audiência de conciliação entre Prefeitura Municipal, representada pelo prefeito Fernando Galvão, acompanhado pelo advogado Caio Ilário Filho e pelo procurador do poder executivo, Tayson Abrígio de Oliveira, e Fundação Abílio Alves Marques, com a presença dos advogados responsáveis pelo caso, Fábio Mesquita Ribeiro e Bruno Gabriel Borges dos Santos, e integrantes do Conselho Curador da instituição, não resultou em acordo entre as partes.

(…)

Leia mais na edição 10399, de 1º a 4 de junho de 2019.