Violência doméstica

0
138

No domingo (27 de setembro), a GCM foi chamada à avenida Raul Furquim, próximo ao Jardim Júlia, onde mulher alegava que seu ex estava depredando seu veículo, modelo Ônix branco. A mulher informou que o suspeito vestia camiseta branca, bermuda colorida e estava com capacete nas mãos. No local, os guardas encontraram apenas a vítima e a acompanharam até a central de polícia para elaboração de boletim de ocorrência. Minutos depois, o acusado apareceu na delegacia procurando pela ex, e de imediato, recebeu voz de prisão, após o delegado constatar que a vítima possui medida protetiva contra o suspeito.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

 

Publicado na edição nº 10523, de 3 a 6 de outubro de 2020.