Gustavo Fernando Kuhlmann (1890-1930): um bandeirante da educação na Primeira República

Por José Pedro Toniosso

0
92
Gustavo Fernando Kuhlmann e colegas da Escola Normal de São Paulo, responsáveis pela Revista Literária O Estímulo, em 1907

Nos primeiros anos do século XX, São Paulo tornava-se referência nacional no campo educacional, tendo em vista a bem-sucedida implantação dos grupos escolares e das escolas normais, voltadas para a formação de professores. Foi neste contexto em que ocorreu a formação e início da carreira do jovem Gustavo Fernando Kuhlmann.

Quer ler mais? Seja assinante da Gazeta.

CLIQUE AQUI e ASSINE

Se já for assinante basta entrar com os dados abaixo.

Publicado na edição 10.651, de sábado a terça-feira, de 12 a 15 de março de 2022.