Unimed inaugura Centro de Terapias Infusionais

Espaço para atendimento clínico e ambulatorial de pacientes oncológicos foi inaugurado na Santa Casa.

0
46
Novos espaços – A Unimed inaugura na Santa Casa o Centro de Terapias Infusionais. De forma virtual, seguindo exigências de proteção à Covid-19, o presidente Caio Simões apresenta a nova ala clínica e ambulatorial. (Divulgação/Unimed)

Na manhã de sexta (18), a Unimed inaugurou virtualmente o Centro de Terapias Infusionais, levando aos clientes mais conforto e segurança no tratamento de patologias que necessitam destas terapias, como quimioterapia, imunoterapia, pulsoterapia, entre outras.
O médico e presidente da cooperativa de saúde, Caio Simões, comandou a transmissão online, apresentando aos médicos associados e aos clientes cooperados Unimed os novos espaços. “Estou triste por ter que descerrar a faixa inaugural sozinho, mas ao mesmo tempo, feliz por ter conquistado este espaço em benefício de nossos pacientes de Bebedouro e região”, disse o médico.
O centro possui sala de recepção, banheiros masculino e feminino, sala de triagem farmacêutica e de enfermagem e dois consultórios, servindo como ambulatório clínico e de atendimento oncológico. Há também espaço reservado para um altar ecumênico, pois segundo o presidente, “em um local que trata de doenças tão difíceis, este espaço é para que as pessoas possam fazer suas preces e orações”, e em seguida rezou uma versão especial do Pai Nosso, desejando fé, coragem e bênçãos aos beneficiários, e proteção à unidade hospitalar.
Na área de tratamento infusional, gerenciada pela enfermeira Roberta e a farmacêutica Fernanda, estão instaladas seis acomodações, sendo quatro em poltronas e dois leitos para pacientes com debilidade. A ala clínica é a prova de som, com amplas janelas com vista para área verde.
Simões descerrou a faixa homenageando os cooperados e aplaudiu sozinho a abertura das portas, desejando “que meus aplausos transcendam o tempo e o espaço e possam chegar a todos, transmitindo a alegria da Unimed, em entregar este espaço”. Em sua fala final, falou sobre saudade, em homenagem ao irmão Arnaldo, falecido por Covid-19, nesta semana.

 

Publicado na edição nº 10543, de 19 a 23 de dezembro de 2020.